Oposição protesta após Sidninho participar de evento de Neto e põe em xeque liderança
Foto: Divulgação
O bloco da oposição na Câmara de Salvador protestou após Sidninho (Podemos), que lidera o grupo, participar de um evento do prefeito ACM Neto nesta terça-feira (3) (reveja aqui) e informou ainda que a liderança do vereador está em xeque. O bloco é formado por PCdoB, PSB e PSOL. 

Em nota, os vereadores dizem que manifestam "profunda decepção e reprova a atitude" de Sidininho. "A atitude do vereador descaracteriza e fragiliza o campo oposicionista na Câmara. O vereador compromete a sua condição de líder de uma bancada de oposição. As bancadas ou blocos políticos organizam-se para o debate e a disputa de ideias, a partir de princípios e projetos políticos. Não cabe pragmatismo nem interesses pessoais ou de grupos, em nome de uma coletividade", diz trecho da nota. 

"A oposição ao prefeito ACM Neto, na situação que vive o povo de Salvador, tem que ter como referência à gestão das políticas públicas, à garantia dos direitos sociais, às condições de vida do povo,  que inclui educação e saúde públicas, gratuitas e de qualidade; distribua renda, estimulando a geração de emprego; ofereça um transporte público de qualidade; garanta assistência social e um meio ambiente equilibrado", emenda. 

O bloco é formado pelos vereadores Aladilce Souza, Hélio Ferreira, ambos do PCdoB, José Trindade, Sílvio Humberto, ambos do PSB e Marcos Mendes (PSOL).